Pasta de Amendoim Caseira

25 agosto 2014

Oi pessoal.

Vocês já devem ter visto em filmes americanos as pessoas consumindo a tal da pasta de amendoim, né?
Pois bem, esse hábito está cada vez mais comum aqui no Brasil e hoje venho falar sobre a pasta ou manteiga de amendoim e ensinar uma receita caseira desta pasta, já que no mercado ela é cara. Eu, por exemplo, paguei quase 17 reais em um pote de 500g de pasta de amendoim e como não tinha intenção de usar em grande quantidade, resolvi investir e passei a comer quase todos os dias.

Quando estava acabando fiquei tristinha porque sabia que não poderia manter este hábito, mas foi aí que aprendi a receita em casa e quero compartilhar com vocês esta super dica que eu aprendi no blog Panelaterapia.
Como a minha intenção é sempre optar por receitas mais saudáveis, eu não utilizo o açúcar e o sal na receita, eu só utilizo o amendoim torrado. É importante frisar que fazendo a pasta em casa você estará consumindo um produto livre de açúcar e gordura vegetal.

Ingredientes:

2 xícaras (chá) de farinha de amendoim torrado (eu usei a farinha, mas se você não encontrar pode utilizar o amendoim torrado, só vai demorar um pouquinho mais para fazer. Comprei um pacote de 500g no mercado que custou quase 5 reais. Bem mais em conta, né?)

Modo de fazer:

Bata este amendoim no liquidificador ou processador. Eu bati no liquidificador e sempre parava e dava uma misturada com a colher.
Aos poucos a pasta vai se formando e você deve guardá-la num recipiente de vidro com tampa em temperatura ambiente.
A duração é de até 10 dias.
Uma leitora do blog Panelaterapia, a Renata Guimarães, fez um vídeo bem legal mostrando como ela fez, clique aqui para ver

Várias pessoas me criticaram por consumir esta pasta dizendo que ela é muita calórica, porém eu me policio quanto a quantidade e sei que ela tem vários benefícios. Além de ser fonte de proteína (que ajuda no ganho da massa muscular), essa pasta tem fibras (que auxiliam no bom funcionamento do intestino), e é fonte de gorduras boas (que são os ácidos graxos poliinsaturados, que ajudam a diminuir o colesterol ruim e os triglicerídios).

E aí, gostaram da dica?

Espero que façam também!

Beijos!


Ligia

Bolo Integral de Maçã com Granola

21 agosto 2014


Nada como aproveitar os alimentos que estão quase estragando na geladeira, né?
Essa semana aqui em casa sobrou muitas maçãs, pois eu ganhei um café da manhã natural dos meus colegas de trabalho ( de aniversário ) o qual tinha muitas frutas para comer. E dentre as frutas, sobraram algumas maçãs.

Duas dessas maçãs eu aproveitei para fazer esse bolo delicioso de maçã com granola e o resto das maçãs eu usei para fazer cupcakes de maçã sem glúten (em breve receita aqui no blog).
Esse bolo de maçã agrada até quem torce o nariz para receitas integrais. Ele fica super gostoso e não tem segredo nenhum na hora de prepará-lo. Se você aprecia uma boa maçã então, ai que você vai se apaixonar por esse bolo.

Aqui em casa, ele durou menos de um dia e juro que se minha farinha integral não tivesse acabado, eu teria feito mais. Mas com toda certeza, em breve farei esse bolo novamente para acompanhar meu cafézinho da tarde.
O mais legal desse bolo além de ser de maçã e integral, é que ele é composto por granola, que é uma delícia e é super saudável. E a granola dá um gostinho todo especial a massa, que junto com os pedacinhos de maçã picada dão muito sabor ao bolo.

Um detalhe importante: eu usei forma de silicone e o tempo de cozimento descrito aqui no blog é para esse tipo de forma. Se você for usar forma de alumínio, é bom checar de vez em quando para ver se não vai ficar pronto mais rápido.

Ingredientes:

3 ovos
2 maçãs descascadas e cortadas em cubinhos
1 1/2 xícara de chá de farinha de trigo integral
1 xícara de chá de granola
1/2 xícara de chá de óleo de canola/girassol ou azeite
1 xícara de chá de açúcar mascavo
1 colher de café de canela em pó
1 colher sopa de fermento em pó

Modo de Fazer:

Em um vasilha coloque a farinha de trigo peneirada, o açúcar mascavo, a canela e o fermento e mexa delicadamente. Depois adicione o óleo e os ovos e mexa mais um pouco. Por último, adicione a granola e as maçãs em cubos e misture bem.
Unte a forma com margarina e trigo e leve em forno pré aquecido a 200º por mais ou menos 40 a 45 minutos. 

Essa receita eu retirei do blog Diga Maria.


Bom apetite.
Marília.

Bolo Salgado de Arroz Integral

08 agosto 2014


Quando fui comer o bolo (doce) de arroz integral da minha irmã (receita aqui), eu não imaginava que fosse tão gostoso e que fosse se tornar um dos meus bolos favoritos. Isso porque eu imaginava arroz num prato junto com feijão, e nada mais.
Eu gostei tanto desse bolo, que quando achei a receita de bolo salgado de arroz integral na internet, eu cancelei a receita que ia fazer naquele dia, comprei uma forma de bolo inglês especialmente para ele e fui logo fazê-lo.

Confesso que fiquei insegura enquanto o preparava, mas torcia para dar certo porque sabia que ele seria um dos meus bolos preferidos. E realmente, ele vai ser feito muito vezes aqui em casa porque ele é uma delícia.
Minha irmã disse que parecia torta salgada e meu namorado já me pediu para incluir azeitona na receita. Ou seja, eles adoraram, eu adorei e tive que me conter para não comê-lo por inteiro. Enfim, ele é muito bom.
E quando você comer uma fatia dele, você nem vai lembrar que ele é feito de arroz integral.
Quer aprender como faz? Se liga na receita!



Ingredientes:

200g de arroz integral
1 potinho de iogurte natural desnatado
170ml de azeite de oliva extra-virgem
1/3 colher chá de sal
1 colher de sopa de fermento em pó
3 colheres de sobremesa de orégano desidratado
4 ovos


Modo de Preparo:

Lave o arroz e deixe-o de molho por 5 horas. Escorra-o e bata-o no liquidificador junto com o sal, o azeite, o iogurte e os ovos. Depois de bater por 2 minutos, desligue o liquidificador.
Depois de desligado, acrescente o orégano e o fermento e mexa com uma espátula. Unte uma forma de bolo inglês e coloque em forno pré aquecido a 220º por 50 minutos.


Quando a massa estiver pronta, você vai perceber que vai ficar uns pedacinhos pequenos de arroz sem bater. Não se preocupe, é para ficar assim mesmo. No bolo, eles ficam imperceptíveis. Ok?

Essa receita foi retirada do blog Guloso e Saudável e adaptada por mim.

Bom apetite.

Marília.

Benefícios do Manjericão

04 agosto 2014

Olá pessoal,

Hoje trago a vocês esse post super bacana sobre as propriedades do manjericão, seus benefícios para a saúde e uma receita de molho com ele.
Sempre quando quero introduzir algum tipo de alimentos em minha dieta, eu pesquiso sobre os benefícios que ele proporciona para a saúde e procuro lembrar deles para me estimular a comê-los. Fiz isso com os temperos e foi assim que passei a usá-los com mais frequência na hora de cozinhar.

Hoje a utilização dos temperos no preparo das refeições é muito importante, pois além de proporcionar um bom sabor a comida, é também uma estratégia na utilização de menos sal em seu preparo.
O manjericão foi o escolhido da vez. Ele é muito rico em vitamina K, cálcio, ferro e vitamina A e possui também níveis consideráveis de fibras, manganésio, magnésio, vitamina C e potássio.
Ele é um excelente anti-inflamatório, ajuda na prevenção de infecções bacterianas, é benéfico para o coração, ajuda a melhorar o fluxo sanguíneo e pode ajudar na prevenção do resfriado.

Aqui em casa eu utilizo o manjericão pra fazer o molho pesto que aprendi no blog Tips for Life. Esse molho é muito saboroso e eu utilizo no macarrão e nas saladas. Outra sugestão de uso é em torradinhas e pizzas, aqui em casa eu não como com torradas pois tenho intolerância a glúten e as torradas sem glúten são muito caras, então prefiro não consumir. Em relação as pizzas eu não encontro pizza sem glúten com este molho e ainda não parei pra fazer pizza sem glúten em casa.

Ingredientes:

150 ml de azeite extra virgem
1 maço grande de manjericão
50 gramas ou mais ou menos 5 colheres de sopa de castanha do para triturada
Pitada de sal
50 gramas de queijo parmesão ralado

Modo de Preparo:

Bata o azeite com o manjericão no liquidificador e depois misture o restante dos ingredientes. Guarde em um pote de vidro na geladeira por até dois meses.

Gente eu uso um maço grande de manjericão, meu molho fica com um sabor forte, pois prefiro assim. Já teve algumas vezes de eu esquecer de comprar o queijo ralado e fazer sem ele e ficou bom também. Passei essa receita a uma amiga que não gosta muito de castanha do Pará, por isso ela fez com amêndoas e me disse que ficou saboroso também. Portanto como vocês podem ver a receita possibilita a vocês darem um toque pessoal a ela, desde que mantenha os seus benefícios, ok?


Beijos!

Ligia.